EN

Neotropica OrnitoLab – UFRPE

Início

Equipe

Pesquisa

Publicações

Coleção

Campo

 

Sobre a coleção

A coleção de aves esta em sua fase inicial, mas é uma das poucas coleções brasileiras totalmente informatizada e a primeira situada no coração da Caatinga. Os dados dessa coleção estão disponíveis para pesquisa por toda a comunidade e a nossa prioridade é que todos os espécimens sejam preparados com alto nível de qualidade e que a maior quantidade de dados possível seja obtida durante a taxidermia. Para todas as aves coletadas temos tecidos musculares preservados em ultra freezer que podem ser utilizados para posteriores análises genéticas, estômagos fixados em álcool 70%, esfregaços sanguíneos para análises de hemoparasitas e para alguns espécimens temos também fotos disponíveis. A coleção já conta com espécimens de diferentes localidades da Caatinga no estado de Pernambuco, municípios de Carnaíba, Afogados da Ingazeira e Serra Talhada, além de espécimens coletados em Brejos de Altitude nos municípios de Triunfo e Carnaíba e fragmentos de Mata Atlântica na Ilha de Itamaracá.

O incentivo e a descentralização de coleções se torna cada vez mais necessário e importante, uma vez que incêndios tem se tornado frequentes nas grandes coleções brasileiras, como o que aconteceu em 2010 que atingiu o Butantan, em 2018 o Museu Nacional do Rio de Janeiro e recentemente, em junho de 2020 o museu de História Natural da UFMG. Assim, a descentralização de coleções tem um papel importante na preservação de material testemunho, mesmo de espécimens já disponibilizados em outras instituições. A coleção de aves da UAST/UFRPE tem possibilitado que alunos residentes no sertão e que não teriam recursos para visitar outras instituições realizem pesquisas de excelência como a monografia de Regina Carolina Gomes sobre hemoparasitas de aves, a monografia de Allysson Oliveira sobre partição de recursos alimentares entre aves da Caatinga e o projeto sobre evolução de aves dos Brejos de Altitude e corredores de conexão entre Amazônia e Mata Atlântica liderado por Alexandre Fernandes, curador da coleção e participação de alunos de graduação e pós-graduação da UAST, pesquisa em colaboração com Dr. Luís Fábio Silveira, museu de Zoologia da Universidade de São Paulo e Dr. Jason Weir, Universidade de Toronto, Canada.

Banco de dados

Busca por gênero, espécie ou epíteto específico:

Busca pela hierarquia taxonômica: